segunda-feira, julho 16, 2007

Caminhos (1)


7 Comments:

At 4:45 da tarde, Blogger hfm said...

Susana, Como este caminho me parece um caminho de silêncio, daqueles silêncios que nos restituem a vida e nós próprios.

 
At 5:04 da tarde, Anonymous Anónimo said...

caminho que me traz a ti.







Beijo Su.


até um destes dias.

_________________.piano.

 
At 7:13 da tarde, Blogger martim de gouveia e sousa said...

misterioso e belo caminho, assim declinado. bjo.

 
At 3:06 da manhã, Blogger Terra & Sal said...

Caminho lindo Susaninha, lindo mesmo!

Só pode ser lá dos seus lados, da terra e da sua serra que lhe deram os primeiros “ares” que respirou.
Foram esses mesmos “ares” que a inspiraram para a vida ensinando-a através do agreste e do delicado ameno, o que é viver-se verdadeiramente. É que a vida só tem verdadeiro valor quando a ganhamos, quando a conquistamos degrau a degrau, patamar a patamar sem desfalecimentos, e sem desânimos e sempre com a convicção de vencedores, mesmo sabendo que o cume é o infinito.
Precisamos de acreditar como outros antes de nós acreditaram que a caminhada pode ser penosa mas feita com muita força interior, torna-se fácil vencer.
E para a vencermos e fazermos, cada um tem de desbravar a sua parte, vencer as contrariedades, os estorvos, e as caídelas, sabendo contornar uns, e levantarmos sempre do chão quando cairmos.

O caminho do seu post é lindo, ele transmite aos nossos olhos tudo o que há de bom: Amor, paz, esperança, felicidade, nostalgia, encerra ainda tudo aquilo que cada um quiser ver. Foi certamente um trabalho muito árduo para quem o fez, mesmo para mãos muito calejadas e sofridas, mas valeu a pena, deixaram uma obra. Uma obra linda com que hoje você aqui nos honrou. Deu-o a conhecer a mim, a outros, ao mundo inteiro. Já imaginou que quem fez o caminho tão lindo, hoje, estejam onde estiverem, vão-se sentir lisonjeados pelo reconhecimento da obra que fizeram, e que até corre mundo?
Quem trabalha com afinco, vontade e convicção, é sempre eternizado. Que esses homens e mulheres de força e convicção sejam para si uma fonte de inspiração, para a sua terra e a sua serra se sentirem orgulhosas da menina que viram nascer, e que, moldaram para vencer.
Beijinhos para si Susana, e uma boa semana.

 
At 11:17 da manhã, Blogger Opintas/Bernardo Kolbl said...

A percorrer passo a passo.
Um abraço Susana.

 
At 6:44 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Su....



volto daqui a dias.



ao teu caminho.



beijos. beijos.


y.

 
At 2:19 da tarde, Anonymous mmb said...

O ‘nosso’ caminho pode ser exactamente assim: um rasgo na paisagem, coberto por uma série de pedras - de relevo e forma diversas, que por vezes aleijam nossos pés, mas unidas fazem todo o sentido!

Bjt
:)

 

Enviar um comentário

<< Home