quarta-feira, outubro 11, 2006

Interesse

«Há, de facto, inúmeras coisas, circunstâncias e até pessoas que não valem a pena. Não valem a pena, para nós, porque não as significamos de um certo modo, não as conseguimos distinguir da massa das coisas, circunstâncias ou pessoas que atravancam os dias ou distinguimo-las com nitidez e, ainda assim, reafirmamos o nosso desinteresse, o nosso desejo de alheamento e distância.»
Isabel Leal
Notícias Magazine (DN)

5 Comments:

At 7:36 da tarde, Blogger veritas said...

Olá!

Eu diria que tudo depende da perspectiva de cada um perante as pessoas, factos, acontecimentos, da postura que escolhemos para estar na vida, para nos relacionarmos...Não queiramos ser meros passantes, ou sombras...

Bjs.

 
At 10:12 da tarde, Blogger Elise said...

E se tudo e todos nos interessasse? :)

Bjos Susana

 
At 10:35 da tarde, Blogger Ekilibrus said...

...pois....ma so contrário...tb

 
At 10:58 da tarde, Blogger mfc said...

Quando alguém não nos interessa, não precisamos de a pisar ostensivamente brandindo o nosso desinteresse.

 
At 11:29 da tarde, Blogger migas (miguel araújo) said...

Viva Susana
Há de facto algumas pessoas que se tornam incómodos, por nos trazerem a verdade, nos desinstalarem e mexer om as nossas consciências.
Com esses normalmente não sabemos lidar.
E a falta de argumentação leva-nos ao repisamento vulgar.
Aos outros, áqueles que verdadeiramente nada nos dizem... ignora-se e ponto final.
Cumprimentos

 

Enviar um comentário

<< Home