sábado, março 18, 2006

Claro-Escuro

Dia da vida,

Noite da morte...

O verso

E o reverso

Da medalha.

E não há desespero que nos valha,

Nem crença,

Nem descrença,

Nem filosofia.

Esta brutalidade, e nada mais:

Sol e sombra - o binómio dos mortais.

Só que o sol vem primeiro

E a sombra depois...

E à luz do sol é tudo o que sabemos:

Juventude,

Beleza,

Poesia

E amor

- Amargo fruto que na sepultura,

Em vez de apodrecer, ganha doçura.

Miguel Torga

8 Comments:

At 2:33 da manhã, Blogger Terra & Sal said...

Susana:
Interessante o poema e linda a imagem.
Fala da noite do dia, da luz e da morte.
E tudo isso se resume a duas coisas bem simples:
Às Trevas e à Luz.
São “Pensamentos” que todos temos no subconsciente, mas precisamos sempre de um poeta atento e observador, que transmita por palavras aquilo que sentimos.
E como crianças ficamos sempre contentes por alguém expressar aquilo que não somos capazes!
Se permite Susana e como sabe “Miguel Torga” era o seu pseudónimo.
Adoptou-o em homenagem a Miguel de Cervantes e à Torga ( planta que nasce nas fragas (pedregulhos) que há em abundância em Trás- os –Montes.)
Poderá ser de interesse para alguém o conhecimento deste pormenor
Cumprimentos
Terra & Sal

 
At 10:56 da manhã, Blogger Mendes Ferreira said...

belo o fruto. o teu __________obrigado Susana.


________________beijo.

 
At 11:22 da manhã, Blogger spartakus said...

( soturna? ). Bom dia Susana bjinho.

 
At 12:11 da manhã, Blogger Afonso said...

Gostei deste blog. Vou voltar

 
At 10:21 da manhã, Blogger hfm said...

E tu sabes como eu gosto dele!

 
At 11:57 da manhã, Blogger spartakus said...

B'dia Susana, bjinho.

 
At 2:21 da manhã, Anonymous Anónimo said...

Hi! Just want to say what a nice site. Bye, see you soon.
»

 
At 6:23 da tarde, Anonymous Anónimo said...

best regards, nice info fireplace mantel bookcase Neuron barcode readers Asian educational journal Camcorder retailers West elm bookcase headboard Nursery humidifiers Ford v10 supercharger Cheap free funky shipping sofa Klonopin price

 

Enviar um comentário

<< Home