domingo, janeiro 07, 2007

As Subtilezas da Alma

Tal como o corpo assimila coisas de toda a natureza - vulgares, poluídas ou purificadas por um padre ou por uma visão - e as converte em destreza ou força, músculo ou suavidade de linhas, curvas e cor do cabelo, dos lábios e dos olhos, assim também a Alma, por sua vez, tem as suas funções assimiladoras e pode transformar em nobres pensamentos e elevadas paixões o que em si mesmo é baixo, cruel e degradante; mais ainda, pode encontrar nestas a maneira mais digna de afirmação. E muitas vezes pode revelar-se a si mesma de um modo mais perfeito através daquilo que estava destinado a destruí-la ou a profaná-la.
Oscar Wilde, in 'De Profundis'

5 Comments:

At 9:41 da manhã, Blogger hfm said...

Como ele sabe tirar das palavras todo o seu sentido! Bom domingo.

 
At 9:53 da tarde, Blogger Afonso said...

Boa semana!

 
At 12:59 da manhã, Blogger José Alberto Mostardinha said...

Olá Susana:

Para si, os votos de uma semaninha muito feliz.

Um abraço,

 
At 9:08 da manhã, Blogger pintoribeiro said...

Lapidar. Bom dia, boa semana, Susana. Bjinho.

 
At 11:00 da manhã, Blogger Opintas / Bernardo said...

Uma boa semana.

 

Enviar um comentário

<< Home