quinta-feira, maio 04, 2006

Governo ataca liberdades individuais

Mais uma vez, um Governo em Portugal, prosseguindo as políticas socialistas que todos têm seguido nos últimos anos, (apesar de rótulos centristas ou social-democratas que alguns ostentam), cerceia a Liberdade individual, tentando penalizar quem não pode ou não quer ter filhos, em nome de um pretenso "bem comum" e de uma maior justiça!
Então agora, cada pessoa já não pode decidir o que quer da sua vida, sendo penalizado pelo Estado por uma decisão estritamente do foro pessoal?

Nesta via, qualquer dia existirão listas, impostas para todos, daquilo que se pode ou não fazer, numa verdadeira democracia totalitária, com um pensamento cada vez mais único!

João Carvalho Fernandes

Um excerto do discurso de José Sócrates, na Assembleia da República:

Precisamos de mais incentivos à recuperação da natalidade. E a Segurança Social deverá aqui desempenhar um papel, no contexto de uma política mais alargada para a família. É por essa razão que proporemos que a taxa contributiva dos trabalhadores varie, ainda que moderadamente, em função do número de filhos. Afinal, é da riqueza criada pelas futuras gerações de trabalhadores que resultará a garantia dos rendimentos na velhice dos futuros pensionistas. Não há, evidentemente, soluções mágicas para este problema. Mas esta é, sem dúvida, uma mudança justa e que aponta no bom sentido.

in Democracia Liberal

3 Comments:

At 5:03 da tarde, Anonymous mmb said...

...porém, verificamos que, gosso modo, os que mais contribuem social, cultural e econonomicamente falando, são os mesmos que planeiam suas vidas e, por opção ou força das circunstâncias, decidem limitar limitar o nº de filhos em detrimento de oferecer-lhes melhores condições de saúde e educação e, ao mesmo tempo, cumprirem suas obrigações ao Estado!

...é assim...


Bjts

 
At 6:33 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Great site lots of usefull infomation here.
»

 
At 2:13 da tarde, Anonymous Anónimo said...

Greets to the webmaster of this wonderful site. Keep working. Thank you.
»

 

Enviar um comentário

<< Home